Últimas

www.
Home / Notícias / Empreendedorismo / Embrapa assina acordo para pesquisas sobre aproveitamento de resíduos de rochas
Embrapa assina acordo para pesquisas sobre aproveitamento de resíduos de rochas

Embrapa assina acordo para pesquisas sobre aproveitamento de resíduos de rochas

O presidente da Embrapa, Sebastião Barbosa, assinou, nesta terça-feira, 12, protocolo de intenções para o desenvolvimento de pesquisas e tecnologias que permitam o aproveitamento de resíduos de rochas ornamentais na agropecuária. O acordo envolve a Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes) e o Sindicato da Indústria de Rochas Ornamentais, Cal e Calcários do Espírito Santo (Sindirochas). A assinatura ocorreu durante a abertura da Vitória Stone Fair, que acontece em Serra (ES) até sexta-feira, 15.
“Queremos que a ciência esteja disponível com os seus recursos para trabalhar em benefício do setor, que certamente trará benefícios significativos para a agropecuária”, disse o presidente, ressaltando que o uso de matérias primas hoje descartadas permitiria aumentar a oferta de alternativas para reduzir os custos de produção. Segundo ele, a Empresa tem todo interesse em compartilhar conhecimento e somar esforços com as entidades estaduais e a Incaper.
Para presidente do Sindirochas, Tales Machado, conhecer o trabalho desenvolvido pelos pesquisadores da Embrapa tem sido uma surpresa. “Estamos muito otimistas e com esperança de que essa iniciativa, a partir de agora, vai fortalecer e fazer toda a diferença, em especial na questão ambiental”, comentou.
Também presente à solenidade, o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, destacou a importância da assinatura do protocolo de intenções para o desenvolvimento do setor de rochas da região. “A presença da Embrapa no Estado é fundamental e, para isso, estamos colocando a Incaper à disposição para ajudar”, completou. “Acreditamos totalmente nesta parceria”.
O Brasil é o quarto maior produtor de pedras naturais. A Embrapa atua em pesquisas com rochas moídas in natura, chamadas “pó de rocha”. A intenção é utilizá-las para o manejo da fertilidade do solo pela recomposição de minerais e aumento da eficiência no uso de nutrientes pelas plantas.
Como parte do acordo de cooperação, Findes e Sindirochas vão disponibilizar informações e dados técnicos para a pesquisa da Embrapa e acompanhar o desenvolvimento do trabalho para fornecer todo o suporte possível.
Existem hoje, no Brasil, oito polos de produção de rochas ornamentais: Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Bahia, Paraíba e Ceará.
A Feira Vitória Stone Fair está na 47ª edição e é uma das mais importantes do mundo no setor. São mais de 300 expositores e o público pode ver mais de 1,2 mil tipos de rochas, além de máquinas, insumos e equipamentos. A expectativa de publico é de 20 mil pessoas, de pelo menos 47 países.
Por Imprensa Embrapa
Imagem: Pressfoto

About Mega Moveleiros

Avatar
Portal de notícias e negócios para marcenarias, indÚstrias e revendas do setor moveleiro no Brasil.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Scroll To Top